Emissões europeias caem 2,5% em 2011



A Agência Ambiental Europeia (EEA, em inglês) afirmou na última sexta-feira (7) que o inverno ameno e a crise na produção industrial teriam sido as principais causas para a redução de 2,5% nas emissões na União Europeia em 2011. Se forem considerados apenas os 15 países europeus signatários do Protocolo de Quioto, a queda foi maior, 3,5%.

Segundo dados preliminares, as emissões em residências e no setor de serviços caíram 3,1%, e nos transportes, 1,8%.

A EEA aponta que o aumento no uso de fontes limpas de energia, como a eólica e a solar, também foi importante para a redução das emissões.

Nos últimos 20 anos, as emissões europeias passaram de 5,5 bilhões de toneladas de CO2 equivalente em 1990 para 4,7 bilhões em 2011.

A União Europeia possui a meta de reduzir em 20% as emissões até 2020 com relação ao nível de 1990. No momento, já foi alcançado um corte de 17,5%, afirma a EEA.

Maiores detalhes sobre os resultados de 2011 devem ser apresentados em um relatório em outubro.

É esperado para o fim do ano também o anúncio da queda das emissões dos Estados Unidos. Em agosto, a Administração de Informação de Energia (EIA) divulgou a redução de 2,4% nas emissões do setor de energia norte-americano, resultado do inverno ameno e dos investimentos em tecnologias limpas.

Autor: Fabiano Ávila
Fonte: Instituto CarbonoBrasil
Original: http://goo.gl/JHgNo


FOLLOW US / SIGA-NOS:
              

Leave a Reply / Deixe um comentário

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: